Página Inicial | Mapa da cidade | Telefones Úteis | Fale conosco | Webmail | Horoscopo e tarot | chat | Receber noticias
Notícias :
Previous Next
Arujá: Aulas de dança e teatro passam para a Escola Livre de Música

Os cursos de dança e teatro da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo estão sendo ministrados desde a última semana na Escola Livre de Música Edmundo Ramos Barbosa (ELM), no Jardim Rincão. A transferência das classes, antes sediadas na Oficina Cultural, visa proporcionar maior conforto e segurança aos alunos.

Arujá: Aulas de dança e teatro passam para a Escola Livre de Música

Com a mudança, os 256 estudantes dos cursos passaram a contar com uma unidade melhor estruturada e situada num local mais apropriado à circulação de menores. Segundo a diretora da Pasta, Marilisa de Moraes Cajueiro, a grande movimentação de veículos na rua da Oficina Cultural (a Rodrigues Alves) era um fator de preocupação.

“As crianças saem tão entusiasmadas das aulas que algumas se distraem muito, não prestam atenção no trânsito, nem ao perigo de atravessar sem olhar. A Oficina tem apenas uma porta que separa a sala de atividades da rua, o que contribuía ainda mais com essa insegurança, pois a criança num só impulso já estava de cara com os carros”, explicou.

Agora, segundo Marilisa, os alunos estão mais protegidos e melhor acomodados: “A Escola possui dez salas, vestiário, anfiteatro, aparelhagem de som e espaço para os pais aguardarem seus filhos. O tamanho das salas é maior e os cursos foram adequados sem dificuldades. Fora isso, na unidade é possível fornecer lanche aos alunos, algo que sempre quisemos fazer”.

Outro fator positivo é que a unidade foi recentemente reformada. “A mudança foi para atender melhor e aconteceu num momento oportuno. As crianças estão sendo bem acolhidas e terão em breve dois novos instrutores”, diz a diretora. A professora do curso de dança, Jully Morgana da Rocha Santos, concorda: “O espaço, a estrutura, é tudo bem melhor, inclusive em termos de segurança”.

De acordo com a responsável pela Escola Livre de Música, Rosangela Samorano, a unidade possui um total de 380 alunos e realiza, em média, 1.700 atendimentos semanais. “Estamos satisfeitos com a mudança, que agregou ainda mais cursos para a ELM. Muitos dos nossos alunos já frequentavam as aulas da Oficina e vice-versa. Agora, com tudo centralizado num só lugar, ficou bem mais fácil e confortável para eles”.

Sala de cinema

A Oficina Cultural, que até então abrigava os cursos de dança e teatro, será transformada em uma sala de cinema por meio de um convênio com a Secretaria de Estado de Cultura e o Museu da Imagem e do Som (MIS). Lá, serão transmitidos filmes infantis, educacionais, clássicos e etc. O objetivo é atender, a cada sessão, pelo menos 60 alunos da rede municipal de ensino.

“O local onde hoje está a Oficina sediou a primeira sala de cinema de Arujá. Vamos resgatar isso oferecendo conteúdo de qualidade aos nossos alunos”, diz Marilisa. Ela acredita que até junho o espaço já tenha sido adaptado para receber os aparelhos e a estrutura necessária ao desenvolvimento do projeto.

Para aproveitar ainda mais as salas, já existe por parte da Secretaria de Cultura a intenção de oferecer cursos de arte e artesanato nos horários livres. “Esse é um espaço versátil, que vamos aproveitar da melhor maneira possível”. A diretora também adianta que, nos próximos meses, a Pasta pretende descentralizar alguns de seus cursos, levando-os para os bairros: “Temos planos de, em breve, levar as aulas para mais perto dos moradores”.

 

Secom Arujá

 

Receber Noticias por email

Cadastre seu email no campo abaixo

 

Ultimas publicações da região